Confira 7 brincadeiras interativas para incluir na rotina da família

Confira 7 brincadeiras interativas para incluir na rotina da família

As rotinas familiares normalmente são corridas, o que pode gerar certo distanciamento entre os seus membros. Por isso, é sempre saudável prezar por momentos que possam unir todo mundo. Assim, uma boa opção é adotar brincadeiras interativas, pois ajudam a manter a aproximação com os filhos, tornar tudo saudável e amenizar o estresse do dia a dia.

Existem várias formas práticas de brincar, que podem agradar toda a família e proporcionar muita diversão. Para você conhecê-las, preparamos este post com algumas boas dicas de brincadeiras que ajudarão a família a se reunir e aproveitar o tempo. Confira!

1. Brincadeira de cozinhar

Cozinhar é algo bem legal, mas cozinhar em família é melhor ainda. Especialmente para as crianças, a cozinha pode causar muita curiosidade e vontade de participar das atividades que lá acontecem.

Optar por um prato para fazer com os familiares pode ser uma boa opção para brincar e se divertir, além da boa sensação de aprender juntos. Para isso, você deve encontrar receitas que os pequenos podem ajudar a preparar, ou seja, fáceis e coloridas, por exemplo: biscoitos, bolos, doces, salada de fruta etc.

Como as atividades envolvem as crianças, é preciso sempre usar utensílios não cortantes ou, caso sejam indispensáveis, deixar essa tarefa para os adultos.

É importante destacar que existem muitos benefícios nessa atividade, como desenvolver o senso de responsabilidade, a capacidade de trabalhar em equipe e também a organização, que são muito relevantes em família e para a vida como um todo.

2. Artes

A arte, além de ser uma atividade lúdica que todos adoram, ajuda na expressão e colabora muito no desenvolvimento como um todo, especialmente das crianças. Outros aspectos importantes são o desenvolvimento da criatividade e o fortalecimento dos laços familiares.

As atividades que envolvem artes podem ser aplicadas de várias formas, como pinturas em telas ou na parede, com algodão, esponjas, a dedo etc. Além disso, podem se estender e proporcionar outras ideias, como confecção de objetos, dobraduras, máscaras e DIY (do inglês “faça você mesmo”, propõe a construção ou customização de objetos em práticas diversas com o bom uso da criatividade).

Um dos benefícios dessa atividade é que ela ajuda a melhorar o relacionamento e a autoconfiança, além de amplificar a capacidade de aprendizado. É também uma ótima oportunidade para soltar a imaginação e alegrar os ânimos.

3. Salão de beleza

O salão de beleza pode acontecer entre toda a família. Uma boa opção para brincar dessa forma é entre pais e filhos. Por exemplo, as crianças podem fazer penteados em seus pais e vice-versa. A criatividade é muito bem-vinda, podendo ser usados acessórios de cabelo, gel, maquiagem e tudo que se achar adequado para o momento.

Essa atividade, além de aproximar os familiares, permite o reconhecimento de si e de seus pares e amplia o respeito e cuidado com o outro.

4. Balão ao alto

A brincadeira de balão ao alto é caracterizada por muita diversão e equilíbrio. Ela acontece da seguinte forma: cada membro da família fica responsável por uma bexiga que deve ficar ao alto, equilibrando-a sem deixá-la cair. Quem permanecer com ela por mais tempo vence a brincadeira.

Outra forma de ela acontecer é por meio de comandos. Por exemplo: a criança fica equilibrando o balão e os pais orientam movimentos que ela deve fazer sem perder o controle do objeto. Brincar dessa forma promete boas risadas.

5. Mímica

A mímica se origina do teatro e é conhecida como uma das brincadeiras mais interativas que existem, pois permite a quem brinca se expressar com uso de movimentos e muita diversão, por causa da imitação.

A brincadeira funciona da seguinte forma: a família é dividida em equipes, que ficam responsáveis por comunicar por meio de gestos determinadas categorias criadas para outras pessoas adivinharem.

As categorias podem ser escolhidas de acordo com o gosto de cada família, como filmes, artistas, animais, parentes, amigos etc. Um dos seus grandes benefícios é o estímulo à linguagem corporal, à socialização, à concentração, à imaginação e à criatividade.

Essa atividade também é excelente para as crianças que são muito tímidas terem a oportunidade de se expressar e se desinibir, além de exercitar o raciocínio rápido.

6. Oficina de fantoches

Os fantoches podem ser usados de várias formas. Além das brincadeiras, são ótimos recursos de ensino, pois trabalham a criatividade, imaginação e raciocínio lógico. Outro fator importante a ser destacado é o exercício da memória, inteligência, organização de ideias, pensamentos, além do desenvolvimento da linguagem.

Os bonecos podem ser criados pela própria família, representando personagens ou eles mesmos, como forma de autorreconhecimento. Outra maneira de explorar os fantoches é elaborando histórias que possam reviver momentos que já aconteceram durante épocas marcantes.

Também é possível recontar histórias de clássicos infantis que sejam de preferência das crianças e que possam animá-las, bem como criar outros finais para as suas histórias preferidas.

7. Jogo da memória

O jogo da memória é muito conhecido por todos. No entanto, ele pode ser adaptado de diversas formas e de maneira que fique mais interativo, para que seja curtido em família. Por exemplo: a criança pode ser vendada, para que, assim, sejam trabalhados todos os sentidos dela. Os pais podem oferecer alimentos para provar ou mesmo objetos, para que elas tentem adivinhar o que é.

Essa brincadeira é muito importante para o desenvolvimento da interação, percepção, memória, além de proporcionar lazer e diversão a todos. Outra forma de utilizar o jogo da memória é por meio de vídeos, podendo ser feitas várias perguntas a respeito de tudo que foi visto. Dessa forma, as crianças podem trabalhar a atenção e concentração, bem como a linguagem, ao recontar a história.

Como é possível observar, as brincadeiras interativas apresentam muitas vantagens, pois, além de possibilitarem a aproximação da família, proporcionam momentos prazerosos de aprendizado e diversão.

Outro aspecto importante é tornar mais fáceis os diálogos e vínculos afetivos, que geralmente são desgastados pela vida corrida, com as exigências do trabalho e demais tarefas. Assim, para quem precisa ter mais momentos em família, vale a pena investir nessa experiência e conferir de perto!

E aí, gostou do post? Então, curta agora mesmo a nossa página no Facebook e continue recebendo conteúdos incríveis como este!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.