programação para crianças

Entenda como funciona a programação para crianças

Entenda como funciona a programação para crianças

Já imaginou seu(sua) filho(a) lendo códigos binários e desenvolvendo técnicas de programação? Mesmo que saber programar ainda seja algo restrito a programadores e especialistas da área de tecnologia da informação, com os desenvolvimentos tecnológicos, é possível que a programação para crianças seja ofertada nas escolas.

Diversos educadores já perceberam que ensinar programação desde os primeiros anos auxilia no aprendizado multidisciplinar. Além disso, assim como o aprendizado de uma segunda língua é mais fácil no período da primeira infância, a linguagem de códigos também é mais facilmente compreendida nessa fase.

Se você se interessou pelo assunto, confira, neste conteúdo, alguns benefícios de implementar a programação na vida dos seus filhos!

Como as novas metodologias podem melhorar o aprendizado?

Os avanços tecnológicos proporcionaram o surgimento de metodologias inovadoras no campo da aprendizagem, sendo o alfabetismo digital uma delas. Na atualidade, é normal que crianças aprendam a mexer em celulares e computadores bem cedo. Da mesma forma, no futuro, deverá ser comum que crianças compreendam e estudem a linguagem de códigos na pré-escola.

No Brasil, a programação e a robótica não fazem parte do currículo escolar obrigatório, mas, percebendo os avanços dessas áreas, muitas escolas já começaram a ofertar aulas de tais nichos como complementos de suas grades. Por isso, é importante que pais e responsáveis procurem instituições que ofereçam um diferencial assim.

A programação também ajuda no aprendizado, pois ela foca a atenção da criança em uma atividade produtiva. Se as crianças já passam grande tempo do dia em frente aos computadores, nada melhor do que priorizar uma educação digital, transformando ociosidade em conhecimento e estímulo ao aprendizado de habilidades.

Além disso, o mercado já passa por uma transformação digital, então é de se esperar que o profissional do futuro esteja apto a esse tipo de tecnologia.

Quais os benefícios de ensinar programação para crianças?

Para alguns pais, propor a programação na infância pode parecer algo muito precipitado. Mas há especialistas que dizem que, a partir dos 3 anos de idade, já é possível desenvolver conceitos de lógica e organização com os pequenos.

O ensino de programação para crianças permite que elas aprendam por meio de experiências práticas. Além disso, as aulas são lúdicas e despertam nos jovens a descoberta de habilidades. Confira os benefícios de atividades desse tipo.

Desenvolvimento cognitivo

A programação estimula a cognição, auxiliando no ensino de outras matérias. Em relação às disciplinas de exatas, programar ajuda no desenvolvimento do raciocínio lógico, pois o(a) aluno(a) precisa encontrar uma maneira que faça sentido para que o código funcione.

Já no campo do desenvolvimento humano, a capacidade comunicativa da criança é ampliada. Afinal, ela precisa aprender a desenvolver uma linguagem clara para conseguir programar. Consequentemente, esse desenvolvimento lógico da organização de pensamentos é exemplificado com a capacidade de fala e argumentação.

Estímulo ao trabalho em equipe

Fazer atividades coletivas é algo que deve ser estimulado desde a infância. Por ser uma atividade em que os alunos precisam de persistência, em meio a muita tentativa e erro, a melhor forma de facilitar e simplificar o processo é realizando o trabalho em conjunto.

Assim, ao compartilhar as tarefas com os amigos, é possível que os jovens criem soluções e que o seu aprendizado fique mais divertido e fácil.

Facilidade em solucionar problemas

Uma criança que programa consegue solucionar problemas de maneira mais simples. Na programação, é preciso seguir alguns padrões lógicos para se comunicar com eficiência, pois, caso a sequência correta não seja respeitada, será preciso desenvolver o código novamente. Dessa forma, por meio de testes, as crianças aprendem a identificar e resolver padrões mais rapidamente do que quando não são estimuladas a isso.

Aulas como robótica e programação desenvolvem o lado esquerdo do cérebro, que é responsável pelo raciocínio lógico. Portanto, os pequenos envolvidos em atividades de programação tendem a encontrar soluções mais rápidas e até mais simples, pois já têm o seu campo cognitivo ampliado.

Desenvolvimento da escrita

Diferentemente do que muitos pais acreditam, a programação não se refere apenas a criar códigos e linguagens de computador. Esse estudo busca desenvolver a capacidade de planejamento, execução, lógica e trabalho em equipe.

Assim, antes de efetivamente começar a programar, a criança precisa planejar o que será desenvolvido. Nessa organização de pensamentos, o(a) aluno(a) organizará as ideias no papel, desenvolvendo sua escrita. Afinal, é preciso que o planejamento seja claro, simples e objetivo, para que possa ser transformado em uma sequência coerente.

Estímulo à criatividade

Mesmo que atividade de programação seja extremamente lógica, o(a) estudante também consegue desenvolver a sua criatividade por meio dela. O estudo da área amplia a visão da criança desde cedo e a convida a pensar “fora da caixa” para encontrar soluções.

Além disso, o aprendizado voltado para as crianças é feito com muitos jogos e animações, aguçando a atenção dos alunos e deixando-os mais criativos e animados na hora de programar ou estudar outra matéria.

Como a programação para crianças criará profissionais do futuro?

Se o inglês é a habilidade imprescindível para o profissional da atualidade, a capacidade de programar e entender linguagem de programação é o que será requisitado do profissional do futuro.

Além disso, esse conhecimento também afeta o modo como a criança vê e compreende o mundo. Ao ser estimulada desde cedo, ela desenvolverá a capacidade de categorizar problemas e compreender a sociedade de maneira completa. Uma criança incentivada a sair da bolha consegue ser um adulto mais flexível e apto para driblar as adversidades do mercado de trabalho.

Portanto, a programação surge como uma forma de estimular a criança a uma nova habilidade, transformando-a em um indivíduo que, no futuro, será capaz de produzir mudanças e propor respostas alternativas nos desafios profissionais.

Se você está em busca de uma escola que valoriza esse tipo de conhecimento, o colégio Academia é o local certo. Nós oferecemos aulas de robótica como atividades extracurriculares, e os alunos podem começar a se envolver com a programação para crianças a partir dos 6 anos de idade.

Ficou com interesse no assunto? Entre em contato com a nossa equipe e conheça mais!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.